• Youtube
  • Instagram

Espiritualidade

27/11/2016
1º Domingo do Advento

CELEBRANDO O ADVENTO EM FAMÍLIA - ANO A

“... MEUS OLHOS VIRAM A TUA SALVAÇÃO” (lc 2,30) 

O TEMPO DO ADVENTO

O tempo do Advento é, para toda a Igreja, momento de forte mergulho na liturgia e na mística cristã. É tempo de espera e esperança, de estarmos atentos e vigilantes, preparando-nos alegremente para a vida do Senhor, como uma noiva que se enfeita, se prepara para a chegada do seu noivo, seu amado.

O Advento começa no dia 27 de novembro e vai até vesperas do Natal de Jesus. Esse tempo possui duas características:

- Nas duas primeiras semanas, a nossa expectativa se volta para a segunda vida definitiva e gloriosa de Jesus Cristo, Salvador e Senhor da história, no final dos tempos.

- As duas últimas semanas, dos dias 17 a 24 de dezembro, visam, em especial, a preparação para a celebração do Natal, a primeira vida de Jesus entre nós. Por isto, o Tempo do Advento é um tempo de piedosa e alegre expectativa.

ESPIRITUALIDADE

A liturgia do Advento nos impulsiona a reviver alguns dos valores cristãos essenciais, como: a alegria expectante e vigilante, a esperança, a pobreza, a conversão. Deus é fiel a suas promessas: o Salvador virá; daí a alegre expectativa, que deve nesse tempo, não só ser lembrada, mas vivida, pois aquilo que se espera acontecerá com certeza. Portanto, não se está diante de algo irreal, fictício, passado, mas diante de uma realidade concreta e atual. A epserança da Igreja é a esperança de Israel, já realizada em Cristo, mas que só se consumará definitivamente na parusia (volta) do Senhor. Por isso, o brado da Igreja característico nesse tempo é "Maranatha"! VEM SENHOR JESUS".

COROA DO ADVENTO

A coroa do Advento é um sinal importante deste tempo. É um dos símbolos que nos expressa elementos fortes para nossa experiência de fé natalina. São eles: a forma circular, os ramos, a fita e as velas acesas. A coroa surgiu na Alemanha, no século XIX, quando os colonos, para comemorarem a chegada do Natal, a noite mais fria do ano, acendiam fogueiras e sentavam-se ao redor para conversarem e fazerem as suas orações. Mais tarde começaram a se aquecer dentro das próprias casas, daí surgiu a ideia de tecer uma coroa de ramos de pinheiro, enfeitando-a com flores e velas. Hoje, os cristãos adotaram o costume de colocar a coroa na Igreja e nas suas casas.
A coroa pode ser feita de diversas formas, desde que mantenha os elementos essenciais. Algumas comunidades fazem as suas coroas grandes, de acordo com os espaços disponíveis, outras fazem a coroa no chão, outra com a base de metal ou de madeira, de artesanato ou de materiais recicláveis. Isso tudo pode variar conforme as possibilidades, as necessidades e a criatividade da comunidade.

ELEMENTOS ESSENCIAIS

1. A forma circular: significa a existência da vida cíclica sem começo e sem fim. A forma do circulo esta ligada á ideia de perfeição e de continuidade. O redondo cria harmonia. É o elo que une e junta. Lembra ainda que somos integrantes de um mundo circular onde o processo do universo e da existência dos tipos de vida é cíclico: o ciclo do ano, do tempo, o ir e vir da história sempre marcada pela presença daquele que é a Luz do mundo.

2. Os ramos da cor verde: são sinais de vida. Na natureza nem tudo está morto, há esperança. Mesmo nos países tropicais quando falta água e a vegetação fica seca e sedenta de água, na chegada da chuva a vida brota e anuncia a vida, onde tudo fica verde e traz a esperança dos novos frutos.

3. Quatro velas: nos países do norte da Europa durante o inverno as noites são mais longas que os dias e a luz do sol brilha pouquíssimo, quando não fica totalmente escondido pelas nuvens. Por isso, é necessária a presença das lâmpadas. As velas são indispensáveis e muito apreciadas. Mesmo para nós que somos de um país tropical onde estamos cumulados com a luz do sol a luz da vela tem muito significado: representa claridade, fonte luminosa, calor, fé e algo que ilumina.

4. A fita vermelha: está ligada à cor do fogo e do sangue. Simboliza a cor da vida, do amor e ao mesmo tempo do derramamento do sangue, e do sacrifício.

5. A cada domingo acende-se uma vela da coroa. De uma a uma, a luz vai aumentando, até chegar á grande festa da Luz, no Natal, que proclama Jesus Cristo como Salvador e “Luz do Mundo”, o Sol do nosso Deus que nos visita e que arma sua tenda entre nós.

OBSERVAÇÃO: quanto à cor das velas, normalmente é usada a vermelha que, em quase todas as partes do mundo, tem o significado do amor. No Brasil, somos marcados profundamente por várias culturas religiosas, como dos indígenas e dos africanos, onde o brilho das cores, da festa, da dança, da harmonia com o universo, está presente de uma maneira esplendorosa e reveste as celebrações. Podem ser usadas velas de cor roxa, verde, rosa ou branca, que possam expressar penitência, esperança, alegria, gratidão e ação de graças. O que importa é a presença da LUZ.

RITO DE ACENDIMENTO DA COROA DO ADVENTO

Em casa, cada família colocará a Coroa do Advento num lugar apropriado para o Encontro da Família. A cada semana reúne-se e acende a vela correspondente à semana que se vai viver do Advento. Sugere-se o seguinte esquema para celebração familiar: 1. Acender a vela durante um canto ou “mantra”. 2. Leitura do Evangelho do domingo. 3. Oração semanal. 4. Benção feita por algum membro da família. 5. Todos cantam novamente o canto ou “mantra”.
Alguém se aproxima da coroa e acende uma vela correspondente à semana do advento. Durante esse rito pode-se entoar um canto ou entoar um mantra: ”Senhor, nós te esperamos!”, ou “Luz do Senhor que vem sobre a terra, inunda o meu ser, permanece em nós!”.

EXERCÍCIOS ESPIRITUAIS

A Paróquia Santo Inácio está preparando uma série de Exercícios Espirituais para vivenciar o Advento. O intuito é preparar você e toda a família para o nascimento de Jesus. Aproveite a oportunidade para renascer na fé e começar o ano de 2017 renovado, com novas iniciativas e de alma lavada. Dia-a-dia você terá a oportunidade de exercitar a misericórdia e rezar por todos que estão ao seu redor, mas também por aqueles que necessitam de uma atenção maior seja na fé, ou nas necessidades básicas para sobrevivência. Assim como todos os dias é necessário cuidar da higiene, praticar esportes, zelar pelo bem estar da família, agora o momento é de exercitar a fé.

Desta forma te convido a rezar e praticar os Exercícios Espirituais durante todo o Período do Advento, até o dia de Natal. Prepare um lugar onde possa obter o máximo de silêncio, separe sua bíblia para juntos exercitarmos a fé e a oração. Os Exercícios Espirituais serão todos disponibilizados no site da paróquia e no Facebook. Convide toda a família e amigos para participar!

 

"A comunhão familiar bem vivida é um verdadeiro caminho de santificação na vida ordinária e de crescimento místico, um meio para a união íntima com Deus. Com efeito, as exigências fraternas e comunitárias da vida em família são uma ocasião para abrir cada vez mais o coração, e isto torna possível um encontro sempre mais pleno com o Senhor."

 

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------

27/11 - 1º DOMINGO DO ADVENTO

“A vigilância requerida do dono da casa”

1. Acender a 1ª Vela dos PROFETAS (cor verde) durante um canto ou mantra.

2. Leitura da Bíblia - Ano A: Lucas 21,25-28.34-36

3. Oração: Deus nosso Pai, ao começar este Advento, queremos acender a primeira vela desta coroa. É um sinal da luz que ilumina a nossa esperança. Queremos que esta vela seja um sinal do nosso permanecer desperto e com os olhos do coração abertos para ler os sinais e vestígios da tua vinda e da tua presença entre nós. Que não deixemos de ver nada do que nos fala de ti. Que não percamos nunca a sensibilidade para sintonizar contigo onde quer que estejas.

4. Bênção: Aproveite-nos, ó Deus, a participação nos vossos mistérios. Fazei que eles nos ajudem a amar desde agora o que é do céu e, caminhando entre as coisas que passam, abraçar as que não passam. Abençoe ó Deus, Todo-poderoso: Pai, Filho e Espírito Santo. Amém!

5. Todos cantam novamente o mantra ou canto.

Calendário

Paróquia Santo Inácio de Loyola
Rua Bernardo Mascarenhas, 187
Cidade Jardim - CEP: 30380-010
BHTE/MG
31 3296.2465
Horários de Missas
Terça, quinta e Sexta-Feira: 19h
Sábados: 18h
Domingos: 10h e 19h
Secretaria Paroquial
Rua Tenente Renato César, 53
Cidade Jardim - CEP: 30380-110
BHTE/MG
31 3296.2465
Horário de Funcionamento
Segunda a sexta-feira de 8h às 12h e de 13h30 às 18h